Camara pi 183

6º Festival de Frutos do Mar supera expectativas dos organizadores e do público

Por RJNEWS em 10/06/2024 às 07:39:57
O próximo evento do Polo Gastronômico de Macaé será em setembro

O próximo evento do Polo Gastronômico de Macaé será em setembro

Com aumento de público a cada edição, o 6º Festival de Frutos do Mar, realizado pelo Polo Gastronômico de Macaé, no sábado (8) e domingo (9), no Mercado Municipal de Peixes, se consolida, no calendário de eventos da cidade, como um dos mais esperados por empresários e pelo público. O próximo projeto dos 25 estabelecimentos associados é o 13º Festival de Cultura e Gastronomia, que vai acontecer de 4 a 8 de setembro. O 6º Festival de Frutos do Mar recebeu apoio institucional da Prefeitura de Macaé.

No 6º Festival de Frutos do Mar, os restaurantes atuaram em colaboração para a elaboração e preparo dos 10 pratos apresentados nos estandes. Os pratos foram criados por duplas de estabelecimentos, cada um contribuindo com uma característica própria para o seu sabor. O Balli Sushi & Bowls, por exemplo, trabalhou em parceria com a Vicoli Pizzeria, que assinaram o tartare de salmão com avocado. "Saiu bastante. Leve e refrescante, com maracujá, azeite e flor de sal. Foi feito com requinte, por isso ficou especial. No próximo evento do Polo, em setembro, cada restaurante terá o seu estande", frisa o gerente do restaurante Balli Sushi & Bowls, Berg Moura.


"A nossa expectativa já era bem grande, baseada no ano passado. Mas esta edição superou esta expectativa. O público veio bem-disposto a experimentar coisas novas. Inclusive o movimento foi bem maior, em torno de 40% a 50%. Atribuo isso à campanha do Polo Gastronômico, porque é visível que é um movimento crescente. Quando se diz que é um evento do Polo, já calculamos que será algo grande e isso atrai o público de todas as classes de Macaé", completa.

A proposta do 6º Festival de Frutos do Mar é valorizar a tradicional cultura do pescado, fundadora de Macaé, fomentar o desenvolvimento econômico e cultural local e o turismo. O acesso ao Festival foi gratuito. Além dos 10 pratos de frutos do mar a preço único, o Festival contou com shows, DJ, chopes artesanais macaenses, vinhos, drinks, sobremesas e área de recreação infantil.

Júlio Carlos, pai do Heithor, 7 anos de idade, e do Arthur, com 5, frequenta o evento desde o seu lançamento.

"A minha esposa esteve com eles aqui ontem. Hoje eu os trouxe. No ano passado não teve área kids. Essa é uma das coisas muito boas desta edição. Este parque é ótimo. Estou curtindo com as crianças aqui, mas depois vou para a área do palco", disse.

Os shows e as opções de bebidas foram destacados como diferenciais do Festival. Adriana Pinheiro saboreava um chopp da cervejaria artesanal macaenses Coronel Pafo.

"Maravilhoso. Tomei vários e contínuo sóbria. O artesanal é uma nova experiência. Está combinando com o evento que está ótimo", disse.

Dayana Flausino, visitante de Campos dos Goytacazes, conta que costuma frequentar eventos em Macaé. Ela apreciava um drink. "Escolhi Mulheres Urbanas e o Moscow Mule. Já provei o chopp também. Combinam muito com os pratos. Vou voltar para os próximos eventos. Sempre que tem um bom evento na cidade, eu costumo vir. E o show está bom demais".

"Nós viemos mais cedo e retornamos agora. Experimentamos bobó de camarão, isca de peixe e, agora, bolinho de bacalhau. Está tudo muito gostoso, especialmente o bobó de camarão, que achei sensacional", elogia Gabriela Caneca.

Fonte: Secom Macaé

Comunicar erro

Comentários

Zion
Luxhoki