Camara pi 183

Petrobras destaca Macaé como principal hub de operações do mercado offshore nacional

Por RJNEWS em 12/06/2024 às 17:13:44
A perspectiva de investimentos de US$ 26,8 bilhões ao longo dos próximos cinco anos na Bacia de Campos reforça o reconhecimento da Petrobras em estabelecer Macaé como o maior hub de operações e de negócios do mercado do petróleo no Brasil.

A execução do chamado Plano de Renovação da Bacia de Campos foi destacado pelo Gerente Geral da Unidade de Negócios da Bacia de Campos (UN-BC), Alex Murteira Selem, durante a participação do painel "Perspectivas Regionais", que abriu a programação do segundo dia do Macaé Energy, evento realizado pela prefeitura, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, junto a Firjan e ao SebraeRJ.

"Nós mantemos em Macaé a principal base de operações da Petrobras que viabilizam os investimentos já programados pela companhia para elevar o nível de produção na Bacia de Campos", destacou Murteira.

Este volume de investimento anunciado pela Petrobras representa a instalação de quatro novas unidades que entrarão em operação até 2028, como foco no desenvolvimento de 150 novos poços que irão incrementar mais 450 mil bairros de óleo bruto extraídos por dia, ampliando a capacidade de produção da Bacia de Campos dos atuais 446 mil para 900 mil bpd.

"A nossa estratégia é renovar a produção na Bacia de Campos que vai praticamente dobrar o seu nível de produção diária em cinco anos", apontou o gerente.

A importância de Macaé para a nova fase de operações na Bacia de Campos também foi destacada pela presidente da Petrobras, Magda Chambriand em mensagem enviada através de vídeo para o Macaé Energy.

"Este fórum vai representar um marco na transformação de Macaé e da região como um hub de negócios e de operações para o nosso setor. A cidade sedia parte significativa das nossas operações e perspectivas de negócios e isso se fortalece através da união de esforços de todos que participam deste mercado", destacou Magda.

Para o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Rodrigo Vianna, este reconhecimento da Petrobras demonstra a relevância de Macaé para o mercado global da energia.

"Encontramos na Petrobras o apoio necessário para fortalecer a relevância de Macaé para o mercado global da energia. E, por isso, trabalhamos diariamente para melhorar a infraestrutura da cidade, fortalecendo o nosso ambiente de negócios, gerando oportunidades e empregos", destacou Rodrigo.

Estratégias da Petrobras, negócios para Macaé

Durante o Macaé Energy, a Petrobras apontou também oportunidades de novos negócios para a cadeia offshore da cidade, através das estratégias de renovação da capacidade de produção da Bacia de Campos no mercado nacional do petróleo.
Com a revitalização dos campos maduros, a Petrobras vai investir U$ 1,8 bilhão, estratégia que mantém também estudos de extensão da vida útil dos poços.

Já o descomissionamento foi apontado por Alex Murteira como um dos segmentos de maior relevância para o mercado de apoio às operações offshore.

"Mais uma vez a Bacia de Campos está sendo pioneira no mercado, em volume de operações de descomissionamento que estabelece novas tecnologias e padrões já utilizados no mundo todo", destacou.

Para o futuro, a Petrobras aponta o desenvolvimento de nove novos poços até 2027, incluindo o projeto de exploração de reservas do pré-sal na Bacia de Campos.

De acordo com Murteira, a Petrobras mantém hoje na Bacia de Campos a extração de 446 mil barris de óleo bruto por dia, com escoamento de 8 milhões de metros cúbicos de gás, que correspondem a 19% da produção nacional. As operações são realizadas em 145 poços por 16 unidades em atividade, com o apoio de 7 navios.


Fonte: Secom Macaé

Comunicar erro
Casa e Roupa

Comentários

Zion
Luxhoki