CONTEC

Botafogo abre placar, mas é derrotado de virada para Brusque

A derrota fez com que o Alvinegro descesse mais uma posição, ficando na 13ª colocação

Por RJNEWS em 18/07/2021 às 07:42:26
Botafogo foi derrotado por 2 a 1 para o Brusque

Botafogo foi derrotado por 2 a 1 para o Brusque

Neste sábado (17), o Botafogo foi derrotado por 2 a 1 para o Brusque, com gols do atacante Diego Gonçalves para o Alvinegro e de Thiago Alagoano e Edu para o Bruscão, no estádio Augusto Bauer, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. A derrota fez com que o Alvinegro descesse mais uma posição, ficando na 13ª colocação com 13 pontos.

O Botafogo do técnico interino, Ricardo Resende, entrou em campo no 4-2-3-1, com mudanças, como é o caso do lateral-esquerdo Rafael Carioca substituindo o lateral Guilherme Santos, que pediu dispensa para essa partida por motivos pessoais. No meio-campo, Marco Antônio apareceu como válvula de escape pelas beiradas com auxílio de Chay e Diego Gonçalves, para acionar o centroavante espetado, Rafael Navarro.

O início da partida ficou marcado com o Alvinegro entregando a bola para o Bruscão iniciar as jogadas desde a defesa. No entanto, ao mesmo tempo em que deixou a bola para o adversário, o Alvinegro subiu a marcação do ataque para pressionar e obrigar a defesa do Brusque a encontrar soluções em bola longa para os atacantes catarinenses.

A primeira chance aconteceu nos pés dos atacantes da equipe mandante, aos 19 minutos do primeiro tempo, com o meio-campista do Brusque, Garcez, arriscando uma finalização de fora da área para o meio do gol, mas sem perigo para o goleiro Diego Loureiro.

Um minuto depois, Chay pressiona a defesa do Brusque, recupera a bola e aciona o centroavante Rafael Navarro pela esquerda, beirando a linha de escanteio, dribla o marcador e finaliza rasteiro em cima da zaga catarinense que desvia a bola para fora.

Aos 28 minutos, o Alvinegro conseguiu um escanteio que é cobrado por Marco Antônio pela direita que alcança o Rafael Navarro que cabeceia em cima da defesa do Bruscão. A defesa desvia, a bola retorna para os pés do atacante que aproveita o rebote mais uma vez que desvia por último em Diego Gonçalves e o mesmo finaliza de letra para o canto esquerdo do gol.

Pouco tempo depois, aos 36 minutos, mais uma vez o meia-atacante Chay consegue recuperar a bola na marcação pressão, e parte em contra-ataque acionando o atacante Diego Gonçalves pela esquerda, que dribla o marcador e finaliza em cima do goleiro Zé Carlos que espalmou para o escanteio.

O segundo tempo ficou marcado com um Botafogo recluso, entregando mais uma vez a bola para o Brusque, no entanto, sem pressionar tanto quanto antes com os atacantes. Acontece que o adversário, como na primeira etapa, não soube lidar com os espaços para poder empatar a partida.

Em poucos lances marcantes, aos 25 minutos, o Alvinegro surpreendeu em uma jogada com o meia-atacante Chay, cruzando na medida para o centroavante Rafael Moura desviar de cabeça e obrigar Zé Carlos, à queima-roupa, se esticar e impedir o segundo gol do visitante.

Entretanto, poucos minutos depois, aos 29", o Brusque reaparece e, pela esquerda, faz um cruzamento na medida para o atacante Fio cabecear a bola na trave esquerda de Diego Loureiro. Após a bola beijar a trave, ela caminha na linha do gol, até que o meia Thiago Alagoano aparece de surpresa e empurra para o fundo da rede, empatando a partida.


A bola pune, até que aos 43 minutos, Alagoano recebe de costas e, por cima, lança o centroavante Edu pela direita, que domina e finaliza cruzado no canto direito de Diego Loureiro e vira a partida para o Brusque.


BRUSQUE X BOTAFOGO
Local: Estádio Augusto Bauer
Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Junior - AM (CBF)
Gols: 1º tempo - Diego Gonçalves (28 minutos) 2º tempo - Thiago Alagoano (29 minutos) e Edu (43 minutos)
Cartões amarelos: Ianson, Éverton Alemão, Garcez, Airton, Pedro Castro
Cartões vermelhos: -
Público: Jogo com os portões fechados

Brusque: Zé Carlos; João Carlos (Toty), Ianson (Claudinho, Éverton Alemão e Airton; Zé Mateus, Rodolfo (Diego), Garcez (Gabriel Taliari/Fio) e Bruno Alves; Edu e T. Alagoano. Técnico: Jerson T.

Botafogo: Diego Loureiro; Daniel Borges (Warley), Kanu, Lucas Mezenga e Rafael Carioca; Pedro Castro (Ênio), Barreto, Diego Gonçalves, Chay e Marco Antônio (Rickson); Rafael Navarro (Rafael Moura). Técnico: Ricardo Resende.

Fonte: O Dia

Comunicar erro
Zion

Comentários

Casa e Roupa
Anuncie 3